sábado, 8 de maio de 2010

Mais um dia das mães




Mais um dia das mães

Eu sempre lembro das mães sem filhos, dos filhos sem mães, do apelo comercial covarde na tv que faz estas pessoas ficarem tristes.
Hoje quero só agradecer.
Ainda tenho a avó que ajudou a me criar, que esta viva aos 94anos.
Tenho minha mãe com 70 anos vendendo saúde.
Tenho meu filho de 15 anos que é um rapaz lindo, responsável e brilhante.
Conheci duas bisavós e um bisavô, todos os avôs e avós dos dois lados da familia.
Conheço toda a origem do meu DNA até 1800.
Obrigada Deus pela linhagem de mães e filhos inteira! Nem um elo quebrado.
Principalmente pelo meu filho!
Sem ele, hoje eu não estaria mais entre os vivos.
Meu carinho às que nunca foram mães, às que perderam os filhos, e aos filhos que não tem mãe.
Sintam-se abraçados por mim como mãe e filha voluntária de todos vocês.
Feliz dia das mães!